Sete Pedaços de Vento – Cristina Branco

E digo eu que não gosto de fado.

Letra:
Entrego ao vento os meus ais
Onde o desejo se mata
Sete desejos carnais
Que o meu desejo desata

Meus lábios estrelas da tarde
Sete crescentes de lua
Que o desejo nao me guarde
Na vontade de ser tua

Quero ser. Eu sou assim.
Sete pedaços de vento
Sete rosas num jardim
Num jardim que eu própria invento

Sete ares de nostalgia
Sete perfumes diversos
Nos cristais da fantasia
Amante de amores dispersos

Sete gritos por gritar
Sete silêncios viver
Sete luas por brilhar
E um céu para acontecer

Entrego ao vento os meus ais
Onde o desejo se mata
Sete desejos carnais
Que o meu desejo desata

Meus lábios estrelas da tarde
Sete crescentes de lua
Que o desejo nao me guarde
Na vontade de ser tua

Que o desejo nao me guarde
Na vontade de ser tua

Que o desejo nao me guarde
Na vontade de ser tua

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s