Sou Eu…

Uma página em branco
Apresenta-me um mundo
Que, falando, não me diz nada

Uma luz que era minha
Que era eu, e eu não sabia
Dissolve-se em razão, cansada

E esse vazio sou eu
Emergida desse tudo
Que não é nada para ninguém

Foi para aqui que caminhei
Sem bilhete de regresso
Sem botão de retroceder

O que procuro foge
Não sei o que me importa
Sei o que não queria saber

E essa pessoa sou eu
Saída desse universo
Em que me sentia alguém

Já tão farta de esperar
Mas com medo da chegada
Sem pressa de começar
Contudo, já preparada
Pergunto-me se o que sou
Será o suficiente
Para não desiludir
Aquela que um dia fui

E esse desejo sou eu
Essa memória era eu
Esse medo sou eu
Esse sonho era eu
Essa escolha sou eu
Sou eu
Sou eu…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s